Paraná Extra

Policia faz operação contra quadrilha que aplicava golpes imobiliários

Uma quadrilha que pode ter causado um prejuízo de R$ 6 milhões com golpes imobiliários em Curitiba e Região Metropolitana é o alvo de uma operação da Polícia Civil, realizada nesta segunda-feira (7). Os agentes cumprem quatro mandados de prisão e quatro de busca e apreensão contra os investigados por aplicar golpes por meio de uma incorporadora de fachada. A ação acontece nos bairros Centro Cívico, Seminário e Uberaba, além do município de Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba.

A investigação acredita que ao menos 30 vítimas foram lesadas pela quadrilha. Até agora, oito delas foram ouvidas na delegacia. Juntas, elas tiveram um prejuízo de R$ 2,5 milhões. Os investigados vendiam imóveis na planta ou, ainda, a construção e reforma de casas. No entanto, a maior parte dos empreendimentos não chegou a ser iniciada. Os que saíram do papel, nunca foram concluídos.

Segundo a polícia, alguns dos clientes haviam contratado serviços que deveriam ter sido entregues há mais de um ano. Além de retirar a maior quantia de dinheiro possível das vítimas, a quadrilha não dava retorno sobre os empreendimentos. Os presos devem responder por organização criminosa e estelionato. Ainda não é possível saber se os clientes lesados conseguirão o ressarcimento dos valores.

A Polícia Civil não informou os nomes dos presos e nem o nome da empresa utilizada pelo grupo.

Deixe uma resposta